Novas Frequências

Novas Frequências

Como se ajustar as novas frequências Energéticas…

Toda a humanidade em maior ou menor grau, experimenta as novas frequências vibracional que chega a terra, para alguns é mais evidente, para outros a mesma passa desapercebida.

Essas frequências afetam física, emocional e mentalmente, uma vez que esses três campos estão interligados, e dificilmente consegue-se trabalha-los separadamente a nível vibracional, por isso aconselho que pratiques o egoísmo saudável, coloque-se a frente do coletivo e foque em si, no seu processo de mudança e alinhe-se com as novas frequências de luz, frequência vibracional, frequência de energia (como preferir denominar).

Lembre-se que minha intenção com esse texto não é invadir o seu livre arbítrio e sim auxiliar-te para ele seja “executado” de forma linear.

No sentido das novas frequências, possui alguns pontos em que vale à pena refletir:

Crenças, objetivos e aceitação:

A perceção sobre seu mundo interno é a mesma do mundo externo? Que tipos de pensamentos são mais recorrente? Quais as suas crenças limitantes? O que te afasta ou aproxima de seus objetivos?
Tens consciência de que todos os defeitos dos outros são como lanterna que ilumina algo em si? Isso ocorre para que identifiques o que necessita ser trabalhado, aceitar e se possível mudar.

És o cocriador:

Aqui, agora, nessa existência, és o cocriador, e como cocriador de sua realidade deves aceitar as responsabilidades do que isso (a vida) implica. É hora de aceitar de que és 100% responsável por suas experiências, e tudo mais que eleges como opção de vida, e acaba por refletir-se em sua realidade.

Quando aceitas 100% das responsabilidades da sua cocriação na vida, entendes que não podes culpabilizar os outros pelos erros que cocriaste. Inicie praticas que traga paz, autoconhecimento e automaticamente reduzirás os problemas relacionados com o estreasse.

Faça uso dos 100% de responsabilidade da cocriação de sua vida e comece a refletir sobre as opções e valores que estão à sua volta. Quem sabe não está na hora de ampliar o seu género de leitura, o circulo de amigos, deixando os dramas e as ficções de lado. Não há nada de errado em melhorar.

Julgamento:

Não julgue, não se julgue e sobretudo não aceite julgamentos externos.
O ser humano gosta muito de se auto-punir com criticas nada construtiva, isso reflete na falta de amor próprio. Descubra o que lhe causa repulsa e inicie um processo de auto-aceitação, para tanto podes utilizar a meditação e a reflexão.

Quando se auto-descobre, toma 100% do controle da sua vida, e evita fazer julgamentos precipitados ganhas “préstimos” no processo de auto despertar-se espiritualmente e acabas por conseguir integrar mais facilmente as novas frequências.

Imagem de Free-Photos por Pixabay

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!